Reinheitsgebot! Parece que está brigando não é? Mas não, Reinheitsgebot que em  português significa a Lei da Pureza da Cerveja. Esta lei foi promulgada pelo Duque Guilherme IV Baviera em 23 de Abril de 1516. A lei da pureza da cerveja instituiu que a cerveja fabricada, fosse produzida apenas por água, malte de cevada e lúpulo. A Alemanha naquela época queria ser conhecida pela produção de cerveja mais pura e por conta desta lei que era imposta naquela época, o país foi e é considerado com a melhor produção da bebida  do mundo. Não é atoa que este país é referência em produção de cerveja. A lei que atravessaram séculos e impactaria diretamente no estilo de produção e consumo de toda a Alemanha, antes mesmo de ela existir como país. Reinheitsgebot, é frequentemente aclamada como “a primeira lei de proteção ao consumidor do mundo”, isso porque eles queriam chegar a perfeição no sabor da bebida, apesar que cerveja alemã desde que começou a ser produzida é uma das melhores do mundo e uma referência do país.   

Durante a Idade Média esta era a bebida mais consumida pelos povos germânicos, muitas vezes de manhã até noite, desde que o cervejeiro não estragasse todo o processo, era a maneira mais segura de beber cerveja: pois o fato de ferver a bebida matava as bactérias na água. 

Com a criação a Lei da Pureza Alemã, foi definido os principais insumos para a preparação da cerveja, como: 

> Malte de cevada

> Lúpulo

> Água

> Levedura

Que já foi abordado aqui no blog com o artigo Principais Insumos da Cerveja. 

A Lei e os Tempos Atuais

Esta lei não é a mais antiga do seu tipo, mas é uma das únicas de longa data que ainda é utilizada até os dias atuais por força da cultura cervejeira alemã. Porém, atualmente, o Reinheitsgebot é parte de um documento maior chamado de Biersteuergesetz (BStG) ou “Lei de Taxação da Cerveja”, que define como a cerveja deve ser e como ela deve ser taxada de acordo com o teor alcoólico. Com esta incorporação também houve mais liberdade quanto aos ingredientes para as cervejas destinadas a exportação ou intituladas “especiais”, bem como introduziu o fermento e classificou melhor as cervejas como de alta e baixa fermentação.

É claro que somente seguir a Lei de Pureza não é garantia de uma boa cerveja, pois podem ser utilizados ingredientes de baixa qualidade ou existirem falhas no processo de fabricação. Como exemplos, citamos as excelentes cervejas Belgas que não seguem esta lei e tem grande reputação.

Portanto, além de produzir uma boa cerveja de acordo com a Lei da Pureza Alemã, a Musso Inox tem uma Linha de Cervejeiros especialmente para você, atendendo assim suas 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

PortuguêsEspañolEnglishItaliano
Este site usa cookies para lhe oferecer uma melhor experiência de navegação. Ao navegar neste site, você concorda com o uso de cookies.
Solicite um orçamento